Busca
Home
Quem Somos
Notícias
Tipos de Anúncios
Fale Conosco
Cidades
Barra de São João
Cascata
Casimiro de Abreu
Lumiar
Macaé
Niterói
Nova Friburgo
Petrópolis
Rio Bonito
Rio das Ostras
Sana
São Gonçalo
Silva Jardim
Seções
Academias
Acessória e Serviços
Açougues
Advogados
Agência de Receptivos
Agência de Turismo
Agropecuária
Alarmes de Segurança
Análises Clínicas
Assistência Veterinaria
Aula Particular
Auto Escola
Auto Peças
Automóveis
Bares e Choperias
Beleza,Moda e Confecção
Bicicletas
Buffet
Cabelereiros
Canis
Casas Noturnas
Celulares
Centro Médico
Chaveiros
Clínicas
Comércio de Veículos
Condomínios
Contabilidade
Contrução
Corretora de Seguros
Curso Profissionalizante
Decoração
Depósito de bebidas
Despachadoria
Distribuidora
Empréstimos Consignados
Escola
Esteticista
Estudio Tatoo
Fábrica
Farmácia
Festas e Entretenimento
Fisioterapia
Flipper
Fotografo
Grafic Design / Impresão
Gráficas
Hotéis
Imobiliaria
Imóveis
Informática
Instrumentos Musicais
Internet e Hospedagem
Lanchonetes
Lavajato
Locação de carros e Equipamentos
Locadoras
Loja de Bolsas
Loja de Departamentos
Loja de Informática
Lojas
Lotéricas
Madeireira
Manipulação e Homeopatia
Marmoraria
Mat. de Construção
Mecânico
Moda
Motéis
Oficina de Carro
Óticas
Padarias
Papelaria
Pesquisa SERASA e SPC
Pet Shop
Piscinas e Acessórios
Posto de Gasolina
Pousadas
Produtora de Eventos
Produtos de Beleza
Produtos Naturais
Provedor de Internet
Rádio
Restaurantes
Shopping
Sites
Sorveteria
Supermercados
Vidraçaria
Cemitério do distrito de Barra está abandonado Um cemitério abandonado destoa da bela paisagem do mar da Prainha em Barra de São João. Quem chega ao Cemitério se depara com o estado de abandono do local, que possui sepulturas danificadas e ossadas à mostra. A desorganização também é um fator assustador. No lugar, muitas das covas estão abertas.
A destruição do local, onde está sepultado o poeta Casimiro de Abreu, conhecido como o filho maior da cidade, é evidente. Algumas sepulturas já nem possuem mais a identificação dos corpos enterrados. Túmulos violados e sem manutenção estão esquecidos no local. Apesar do cemitério possuir uma porta (que está arrombada), o controle de entrada de pessoas não existe.
O mato também toma conta das catacumbas. "Este cemitério fica aberto 24 horas, e muitos pessoas depredem, como já tem acontecido. O local precisa ser restaurado, pois dá até pena de ver um cemitério com uma vista para o mar deste jeito. A prefeitura carece olhar com muita sensibilidade para este lugar", afirma à moradora Rosemi Gomes, de 39 anos.
Muitos dos ossos já foram retirados, denuncia a moradora Cristina Guimarães, de 44 anos. "As pessoas entram e fazem qualquer coisa. Há jazigos que estão arrombados", conta. À noite o lugar se transforma num ponto de tráfico de drogas. "Os traficantes se aproveitam da falta de policiamento e da escuridão para vender drogas", relata.
A necrópole fica situada na Prainha, uma pequena faixa de areia entre a foz do rio São João e o mar, que abriga, no alto de uma pedra, além do cemitério, a Capela de São João Batista, construída na primeira metade do século XVII (1619). A Prainha é muito frequentado por famílias, que procuram a tranquilidade das águas do rio São João em encontro com o mar agitado.
"Já faz três anos que neste período de verão frequento, junto com a minha família, a Prainha. Este lugar é um ponto de referência que deve ser preservado. Porém, todos estes anos nós observamos que o cemitério continua abandonado e em estado precário. Já a Capela de São João encontra-se fechada nos dois últimos anos que estivemos no local. Espero que em 2013 estes quadros mudem e possamos visitar novamente o lado interno da Capela e que realizem um projeto para a reforma e a manutenção do cemitério de Barra de São João", ressaltou a turista Angélica Farinezzo, de 36 anos, residente de Duque de Caxias/Rio de Janeiro.
A equipe do JORNAL EXPRESSO REGIONAL entrou em contato com o setor responsável da Prefeitura de Casimiro de Abreu. Até o fechamento do jornal a secretaria de obras não se pronunciou sobre o assunto.

Fonte: jornalexpressoregional

O desrespeito é até com os mortos em Casimiro Bookmark e Compartilhe
Publicado em: 08-02-2012

O desrespeito é até com os mortos em Casimiro

 
 
 
 

Radio Jovem Online

 

Rio das Ostras/Publicidade

Rio Bonito

Cascata/Publicidade

Lumiar

Tempo
Publicidade



Guia Serramar- Todos os Direitos Reservados.
Construção e Hospedagem: Cabreu Voip
(22) 2778-3853 ou (22) 99981-3490 VIVO / Whatsapp